• Planilha Ideal - Planilhas Profissionais

Como empreender e ter retorno rápido?

Atualizado: Fev 13


Em quanto tempo recupero o dinheiro investido no meu negócio?

O tempo para reaver o investimento em um negócio é variável e depende de planejamento, investimento, controle e paciência.

O planejamento, o controle do fluxo de caixa e a especialização em um negócio específico são os caminhos indicados para aqueles que não querem sofrer muito com as turbulências na economia.

Empreender criando o próprio negócio é um investimento de alto risco, pois envolve variáveis que não são controláveis, como o cenário político, nível de inflação, mudanças de culturas de segmentos de consumo.

Assim, não há como ter certeza de quanto tempo será necessário para reaver o investimento feito no próprio negócio.

Embora se estime, no geral, entre 24 e 36 meses para indústrias e 36 a 60 meses para prestações de serviços, um negócio deve ser projetado para ser lucrativo logo nos primeiros meses, justamente pela dificuldade de prever cenários que não sejam de curto prazo.

As empresas estão se especializando e formalizando em novos negócios.

Planejar as atividades, as finanças e especializar-se em um negócio específico, em vez de negócios generalistas, aumentam as chances de sucesso. É preciso ter domínio de conceitos como: Payback, Plano de Negócios e Fluxo de Caixa.

O Payback é o tempo necessário para o empreendedor reaver seu dinheiro investido, descontando uma taxa de investimento. Simplificando, se um empreendedor investiu 100 mil e obteve 20 mil de lucro (20% de retorno) ao longo dos anos seguintes (descontando juros, inflação e o pró-labore), seu payback terá sido 5 anos.

O Plano de Negócio é uma ferramenta que permite ao empreendedor criar expectativas próximas do real do seu negócio, elaborando um fluxo de caixa que permite o controle do capital de giro e reduzir as chances de algo dar errado (assista o video).

No Fluxo de Caixa o empreendedor visualiza se sua empresa terá saldo suficiente para cobrir despesas de curto e longo prazo. Assim, é um sinalizador da saúde financeira da empresa, antecedendo o alerta para eventuais necessidades de subsídios financeiros junto a bancos ou outras instituições.


Veja também:

Gostou desse artigo? Inscreva-se e receba conteúdo sobre empreendedorismo e planilhas para pequenas empresas.

#planilhadediagnostico #planilhasdeestrategias #perfilfinanceiro #planilhasprofissionais #planilhasclaras #planilhasgraficas #planilhasempresariais #consultoria #planilhadegestao #PlanilhabalancedscorecardBSC #planodenegocios #fluxodecaixa #planilhagratuita

59 visualizações