• Planilha Ideal - Redação

O que é BSC - Balanced Scorecard?


O sistema gerencial Balanced Scorecard - BSC desmembra o planejamento estratégico em objetivos menores, e para cada um deles, há quatro perspectivas: financeiro, cliente, processos internos e aprendizado e crescimento.


O sistema foi proposto por Kaplan e Norton e divulgados em três artigos na Harvard Business Review - HBR, em 1993, 2005 e 2007.


O sistema visa guiar a empresa ao sucesso fazendo com que ela obtenha o equilíbrio estratégico entre curto-e-longo-prazo e entre processos externos-e-internos.


Por meio de 4 perspectivas é possível traduzir a missão e a estratégia da empresa e medir o desempenho por indicadores financeiros e não financeiros. Esta é a função do Balanced Scorecard - BSC. O BSC usa quatro perspectivas para medir o desempenho de uma empresa: a perspectiva financeira, de clientes, de processos internos e de aprendizagem e crescimento.


Para cada perspectiva, é necessário a criação de metas e medidas.


Na perspectiva financeira, a meta é avaliar os resultados que o negócio proporciona, obter sucesso e prosperar. As medidas para isso podem ser o retorno sobre o investimento, a receita, aumento de fluxo de caixa, crescimento bimestral de vendas, aumento da fatia-do-mercado, etc.


Na perspectiva dos clientes, a meta é identificá-los, reter e satisfazê-los. Para isso, adotam-se as medidas: taxa de entrega no prazo, tempo de atendimento, percentual de vendas de novos produtos, etc.


Na perspectiva de processos internos, o objetivo é obter excelente nível de manufatura, produção de novos projetos e a introdução de novos produtos. Para isso, ela desenvolve métricas operacionais, como custo, recurso para pesquisa, etc.



Finalmente, na perspectiva de aprendizado e crescimento, a empresa decide focar em desenvolver e capacitar os funcionários, dar motivação, empoderamento e alinhamento. Para isso, cria medidas de treinamento de funcionários para aumentar competências e processos.


A ordem do BSC é importante e, quando usado corretamente, eleva a satisfação dos clientes e finalmente, gera aumento de lucro aos acionistas revelando os verdadeiros caminhos do sucesso no longo prazo.


Planilhas de planejamento estratégico são ferramentas de competitividade que auxiliam profissionais técnicos e líderes a compartilhar informações precisas de forma colaborativa e rápida obtendo entendimento sobre a realidade financeira da empresa e alinhamento com as ações estratégicas.


O BSC avalia como decisões feitas hoje irão afetar seus negócios no futuro. Esta é a pergunta que gestores devem fazer.


Muitas decisões são geralmente baseadas somente em métricas financeiras, que valorizam apenas o curto-prazo. Para se tornar sustentável no longo prazo, uma empresa deve ter uma visão mais balanceada.


Veja também:



Gostou desse artigo? Inscreva-se e receba mais conteúdo sobre gestão e planilhas para pequenas empresas.


Fonte:

KAPLAN, Robert S.; NORTON, David P. Estratégia em ação: balanced scorecard. Elsevier, 1997.

COOPER, R.; KAPLAN, R. S. The balanced scorecard: Measures that drive performance. Harvard Business Review, 1992.